Kendo

PAGES imagens_kendo2


O que é o Kendo?

O Kendo (em japonês, 剣道, o Caminho da Espada) é uma arte marcial japonesa que tem origem nas técnicas de combate dos antigos guerreiros japoneses (Samurai). O Kendo é uma adaptação das técnicas de luta com a espada japonesa.

Por forma a assegurar que a prática da modalidade não acarreta riscos para o kenshi e que mantém a vertente marcial que deu origem ao Kendo, o praticante utiliza uma armadura especialmente desenvolvida para a prática. Esta armadura, o kendogu ou bogu, é composto por várias peças que representam também, na sua maioria, os alvos válidos para os ataques. Para além da armadura, o uso de uma espada feita de bambú (shinai) permite uma prática segura.


Breve História do Kendo

Com as suas mais remotas origens no período feudal do Japão, o Kendo como hoje o conhecemos começou a tomar forma durante os séculos XVII e XVIII. O estabelecimento de um período de paz duradoura (o período Edo) levou a um crescimento exponencial de escolas e estilos de manejo da espada japonesa. Por outro lado, as influências filosóficas do budismo Zen e do confucionismo levam a que a ênfase das práticas sejam colocadas não apenas na preparação para o combate mas também no desenvolvimento espiritual e pessoal (do kenshi). Este período de grande desenvolvimento leva a que sejam também desenvolvidos equipamentos de protecção, tornando possível treinar de forma realista sem receio de lesões ou risco para a vida dos praticantes.

A revolução Meiji (1868) marca o final deste período de grande desenvolvimento livre nas artes da espada, com a proibição do uso e porte público da katana e com a extinção da classe dos Samurai.

Em 1895, o Ministério da Educação japonês funda o Dai Nippon Butokukai, órgão responsável pela preservação dos valores tradicionais das artes marciais e sua divulgação. O mandato deste órgão leva a um grande movimento de unificação das escolas tradicionais de técnicas de manejo da espada causando que surja, pela primeira vez, um conjunto unificado de técnicas usando a denominação actual de Kendo: Dai-Nippon Teikoku Kendo Kata. Este conjunto de técnicas é ainda hoje praticado sob o nome de Nihon Kendo no Kata.

Em 1946, após o final da Segunda Guerra Mundial e da rendição incondicional do Japão, o Kendo (assim como todas as outras artes marciais) é banido da vida pública japonesa. Em 1952, com a restauração da independência do país, as artes marciais voltam a ser permitidas e o Kendo volta a ser praticado livremente. É também fundada a Zen Nippon Kendo Renmei (também conhecida por All Japan Kendo Federation), que desde então se torna na entidade responsável pela manutenção, promoção e divulgação do Kendo no Japão.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *